Home
  Curiosidades
  Dicas
  Opinião
  Raças
  Fórum
  Leis
  Fale conosco
      Cães
      Gatos
      Comércio
      Serviços
 
Estudo realizado pela Agência de Promoção de Exportações e Investimentos (APEX-Brasil) aponta o setor brasileiro de alimentos para animais de companhia como um dos segmentos com maior potencial de exportação para a África do Sul. O país africano é um dos mercados-alvo do Projeto Pet Products Brasil, uma parceria entre a Associação dos Fabricantes de Alimentos para Animais de Estimação (Anfal Pet) e a APEX-Brasil, que visa fomentar exportações brasileiras de alimentos, acessórios e medicamentos pet.

Bulldog Francês



O Bulldog Francês é parente do Bulldog da Grã-Bretanha, dos Alanos da Idade Média e dos Dogs e pequenos Dogs da França. A raça que conhecemos hoje é produto de diferentes cruzamentos feitos pelos criadores apaixonados nos bairros populares de Paris no final do século XIX. Nesta época, os cães dos açougueiros e cocheiros dos Halles souberam conquistar a alta sociedade e o mundo dos artistas pelo seu físico tão exclusivo e seu caráter. Daí se difundirem rapidamente.

O primeiro clube da raça foi fundado em 1880 em Paris. O primeiro registro de inscrição data de 1885 e o primeiro padrão foi redigido em 1898, ano no qual a Sociedade Canina Central reconheceu a raça. O primeiro cão exposto foi em 1887. O padrão foi modificado em 1931, 1932 e 1948 e reformulado em 1986 e em 1994 pelo Comitê do Clube do Bulldog Francês.

Animal de pequeno porte, de estrutura compacta e sólida ossatura, o Bulldog Francês reúne um conjunto de características exóticas em sua aparência: orelhas semelhantes às de morcego, cauda enrolada como um parafuso, focinho achatado, dobras e rugas na cabeça e lábios negros e pendentes. Docilidade e fidelidade formam a sua personalidade.

É um cão esperto e esportivo. Aprende uma variedade de truques, está sempre pronto para brincar; é observador e dotado de uma excelente memória. Tem uma expressão viva e alerta, gosta da convivência familiar, tanto com adultos quanto com crianças. É extremamente obediente e afetuoso, querendo sempre agradar ao seu dono.

Devido ao seu caráter, à sua fácil manutenção e ao fato de latir pouco, é excelente animal de companhia, de fácil adaptação à agitação urbana, vivendo muito bem até em apartamentos. É um cachorro que convive bem com outros cães e animais, se for acostumado desde pequeno. Sua expectativa de vida é de 12 a 14 anos.

Foto: Canil Anauam de Mauana
Fonte: Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC) e Canil Anauam de Mauana


Imprimir

Voltar

Buscar no Portal
Powered by Google
 Destaque
 Publicidade
Revista Pet Press - www.petpress.com.br